Posts filed under ‘Agências’

Reinvente sua história

Esta semana a D/Araújo colocou na rua sua campanha de 25 anos. Além das peças (como o outdoor que já está na cidade e o vídeo abaixo), a agência criou uma ação junto aos estudantes de publicidade. Em primeira mão, nosso aluno da Quarta Fase Noite @dudusell mandou o link. Entre aqui e venha para o lado laranja da Força.

novembro 18, 2009 at 6:01 pm 1 comentário

1º de abril da Pepsi

Ontem o twitter bombou com vários alunos mandando o link de uma suposta declaração da Pepsi dizendo que ia parar de anunciar. Você pode conferir ai no The Onion. Com a pulga atrás da orelha, mandei uma mensagem para o cara que saberia disso: @marcelloserpa. Gente fina, ele respondeu na hora mandando o link do BlueBus que explicava a brincadeira. E ai, o que você achou dessa? Será que o termo marketing virtual está ganhando outra conotação?

setembro 30, 2009 at 7:22 pm Deixe um comentário

Marketing Payback

Texto:

1st law of nature: you always get what you give.

The internet is brutally powerful. What means we´re fucked.

DM9DDB. Uma empresa com a filosofia do grupo Nizan Guanaes.

Antes de mais nada, quero deixar claro que sempre admirei o trabalho da DM9, desde o tempo do Nizan+Serpa+Gama e muito antes do meu amigo e ex-dupla Rica Tronquini virar Diretor de Criação da agência. Então não estou aqui “falando mal” ou “zoando” com a empresa. Também sei que o case já foi bem discutido quando eu estava de cama. Mas é que hoje recebi de um amigo o seguinte “anúncio-payback”. Ele ilustra perfeitamente o que está acontecendo na Era da Interatividade. Agora, as pessoas não precisam mais esperar por alguém para agir quando se sentem ofendidas ou desrespeitadas por uma empresa. Se a United quebra a guitarra de um músico durante uma viagem de avião e simplesmente não dá bola pra isso, ele não precisa mais apenas entrar na justiça. Ele faz um sensacional vídeo, coloca no Youtube e tem 5483605 visualizações. Fora a tão famosa mídia espontânea que foi gerada, custando bem mais caro para a United do que pagar o instrumento.
E a mesma coisa está acontecendo com o case DM9-WWF. Quem não gostou ou se ofendeu com a peça, não precisa esperar o mercado, a ONG ou a agência se pronunciar. A pessoa vai lá e cria um “anúncio-payback”, joga na internet e…
Tudo isso é apenas para mostrar, na prática, o que sempre falamos em sala para os alunos: cuidado na hora de agir. Não importa se é uma peça publicitária, uma estratégia de marketing ou um simples telefonema. Hoje o poder está sim na mão do consumidor. E quanto mais criativo ele for, mais estrago vai fazer como retaliação. Não dá mais para varrer as coisas para debaixo do tapete ou pensar que a sua empresa é uma grande marca, intocável e poderosa. Pisou na bola, vai ter volta. Está ai a DM9 que não me deixa mentir.

PS: Pra quem ainda não viu o tal anúncio, nosso aluno Levi fez um post bem legal no seu blog. Confira.

setembro 15, 2009 at 1:38 am 3 comentários

Diagnóstico, por House – MD.

No último dia 29 de agosto, o paciente Diego Moreau deu entrada no centro médico com 39,8 de febre, sudorese, falta de ar, grande cansaço e dor na virilha. Sua última consulta registrava uma variação do H1N1, mas isso apenas não causaria todos esses sintomas. Enquanto o resto da equipe batia cabeça, fui investigar o que realmente estava acontecendo. A sudorese foi causada pela Dipirona, tomada pelo paciente na tentativa de baixar a febre. A partir de agora ele está proibido de usar tal medicamento, passando a utilizar o Paracetamol. O motivo da falta de ar e cansaço, após uma bateria de exames, surgiu rapidamente. Debilitado pelo H1N1, o paciente se tornou vítima fácil de uma bactéria que se alojou no seu pulmão, ocasionando um princípio de pneumonia. Desde a noite de sábado, ele já está sendo tratado com antibióticos – o que se prolongará por mais quatorze dias. Nesta segunda-feira, no período da tarde, deve retornar para mais uma bateria de exames. Se não tiver reagido à medicação, precisará ser internado. Mas creio que isso não acontecerá. No entanto, o paciente deve permanecer outra semana de repouso e em observação. Assim, não poderá ainda retomar suas atividades como professor, no Curso de Publicidade e Propaganda da Estácio/SC, e como redator, na GAS Multiagência.
A dor na virilha? Depois de se recuperar da pneumonia, Diego Moreau talvez precise operar a hérnia que surgiu.

agosto 31, 2009 at 12:27 am 22 comentários

TI corrigido. Que venham as bancas.

Ufa! Ontem, após mais de 10 horas de jornada, conseguimos terminar de corrigir os Trabalhos Interdisciplinares do curso de Publicidade da Estácio. Durante o processo, mandei via twitter um comentário. Peço desculpa a @grabrielamf, @brunabecker, @jeffis2, @leticialemos, @tatahfloripa, @juniorcachorro, @maikonvargas, @marinhow, @parrela e @kellyveiga por não ter respondido. Mas estávamos correndo contra o relógio e ficar no celular não ia ajudar.
No final, o saldo foi bem positivo. Vários trabalhos receberam diversos “Uau”, “Olha isso!” e “Puta idéia”. Alguns, por outro lado, destacaram-se por detalhes como “voçê”, “(…) veiculado no Caldeirão do Hulk.” e “(…) os consumidores serão abduzidos para a loja.”. O primeiro caso pode ser um problema de sotaque, no segundo foi a falta do Panelão do Homem-Aranha e no último deve ser uma típica estratégia de Marketing Imediato do Terceiro Grau.
Outro detalhe que ficou bem claro foi que uma fase realmente brilhou mais, impressionando a todos pelo número de grupos com excelentes realizações e com nota máxima. Sim, foi um festival de 10. Sim, a briga pelo prêmio ficará para a banca.
Nas outras fases, alguns já saíram na frente. Mas nada está decidido. Ou seja, será uma semana de grande disputa.
Aproveito para avisar minha Segunda Fase que o sorteio da ordem de apresentação foi realizado. Portanto, se você está na banca da Segunda Fase, anote ai como será a quinta-feira:

Grupos Manhã
A) Aline Weber/Camila Seifert/Lais Marujo
B) Gabriela Dorneles/Priscila Melo/Arthur dos Santos/Lauro Linhares
C) Adrian Ganzo/Fernando Cambruzzi/Lucas Cardoso/Martin Saracco
D) Fernanda Oliveira/Juliette de Souza/Thais Negrão
E) Bruna Becker/Diego da Silva/Luana Casagranda/Vanessa Miranda
F) Miguel Veiga
G) Gilane Matos/Juliana Coelho/Samira Virginio
H) André Dias

Grupos Noite
A) Amanda Hardt/ Thamara Coelho
B) Flávia Silva/Gustavo Pohlod/Kaio Souza/Mateus Costa
C) Ana Rocha/Beatriz Almeida/Gabriela Farias/Maria Aparecida Dantas
D) Jefferson Borba/Jefferson Ramos/Thais Costa/ Thayane Santos
E) David Collaço/Julia Lima/Rafael Fontoura/Yasmin Livramento
F) Geovani da Silva/Jéferson Ferreira/Marcos Ucha
G) Camila Gonçalves/Guilherme Martins/Tauillio Machado/Vinícius Koch
H) Caroline Gallo/Douglas ???/Manuela Kowalski/Priscila Freitas

Amanhã começa. Boa sorte a todos.

maio 31, 2009 at 10:49 pm 4 comentários

Latão em Floripa

Adoro morar em Floripa. Aqui tenho uma qualidade de vida que não poderia ter em Porto Alegre, São Paulo ou qualquer outra capital. Minha filha é uma autêntica manezinha, nascida na Carmela.
Mas, mesmo curtindo muito esta cidade, não posso deixar de notar alguns defeitos. Como existem em qualquer lugar, é verdade.
O Transporte Público de Floripa é uma droga. Quem precisa se deslocar pela cidade sem carro sofre. Na verdade, do jeito que tá hoje, até quem tem carro sofre no engarrafamento. Mas isso é outro assunto.
O curioso é que, mesmo com essa sensação latente em todos os moradores, algum maluco achou de bom tom criar uma campanha mostrando o quanto é “ótemo” esse serviço. Ironicamente, semana passada houve mais uma greve. Só pra confirmar como a coisa funciona bem.
E a publicidade com isso? Bem…a questão é: foi uma boa ação de marketing fazer uma campanha assim? Deixo pra você pensar. Assim como divido o e-mail enviado pela nossa aluna Renata Oliveira.
OS: Por que sumiram os comentários sobre a campanha no Acontecendo Aqui? Tentei ver no site e, mesmo o Google dizendo que tem, não aparece nada.

“Boa noite, professores. Tudo bem?

Recebi esse email de um amigo meu, que entrou em contato com a produção do ator Sérgio Loroza, questionando a veracidade da propaganda feita para o Setuf – agência Neovox.

Leon colocou Loroza à parte do que acontecia do lado de cá da catraca: a insatisfação dos usuários de transporte público na grande Florianópolis.

Final de abril, no portal Acontecendoaqui, foi gerado uma discussão imensa sobre esse comercial. Carlos Stegemann, assessor de impressa do Setuf, escreve para Laudelino José Sardá, em resposta ao artigo publicado por ele no site.

O intuito deste e-mail é divulgar a atitude de uma pessoa que não está envolta no mundo publicitário, mas conhece bem os seus direitos e não que não fica em silêncio diante de propagandas assim. Leon buscou a ética, ignorando a passividade de tantos que se sentem prejudicados, porém nada fazem para buscar uma solução.

Publiquem, divulguem, postem, compartilhem com os alunos sobre esse fato ocorrido.
Isso é apenas uma prova de que cada vez mais precisamos ser corretos em nossa profissão, prezando sempre pela transparência em nossa comunicação.

Beijão a todos!

O que precisarem, estou por aqui.

Rê Oliveira

7ª fase PP – Noite

De: Leon Bizzocchi
Assunto: Propaganda da setuf
Para: renattinhaoliveira@yahoo.com.br
Data: Quarta-feira, 20 de Maio de 2009, 22:04

—– Mensagem encaminhada de serjaoloroza@uol.com.br —–
Data: Wed, 20 May 2009 21:02:11 -0300
De: Serjão Loroza
Endereço para Resposta (Reply-To): Serjão Loroza
Assunto: Propaganda da Setuf
Para: leonb@grad.ufsc.br

Desculpe a demora da resposta, Leon!

Em resposta ao e-mail que recebi após a veiculação do comercial do SETUF
(Sindicato das Empresas do Transporte Urbano de Florianópolis), gostaria de
esclarecer alguns fatos.
Quando recebo propostas para publicidade, especificamente em comerciais que
têm o objetivo de transmitir à população, estatísticas de um determinado
setor, ou que tratem de serviços de utilidade pública, acredito no
compromisso do cliente com a veracidade dos fatos apresentados. A campanha e os roteiros fornecidos pelo Sindicato apresentam, através de dados e
percentuais aferidos pelo Ibope, um crescimento qualitativo do setor nos
últimos anos.
O que eu, de fato, desconhecia era o grau de insatisfação dos funcionários e
usuários que prestam ou se utilizam do serviço em questão.
Quero afirmar que tento sempre ser criterioso a respeito das propostas de
trabalho que chegam pra mim, mas infelizmente às vezes não agradamos a
todos. Entendo ainda que, apesar dos números, devemos buscar a situação
ideal, desejada e merecida pela população.
Por fim, gostaria de dizer que estou absolutamente constrangido com a
repercussão que este comercial gerou e que me coloco à disposição dos
funcionários e usuários, na esperança de que eu possa ao menos funcionar
como um canal de comunicação entre os mesmos e as pessoas que prestam esse serviço, mostrando a sua insatisfação. Nesse sentido, quero dizer que o seu e-mail foi imediatamente encaminhado ao SETUF. E espero, assim como você, que o Sindicato, em posse dessas informações, tome as medidas necessárias para elevar o nível de satisfação de seus usuários.
Abraços do Serjão

Serjão LoRoza.

Data: Sun, 26 Apr 2009 23:25:32 -0300
De: Leon Bizzocchi
Endereço para Resposta (Reply-To): Leon Bizzocchi
Assunto: Propaganda da setuf
Para: producao@loroza.com.br
Cc: leonb@grad.ufsc.br

Gostaria de enviar um email direto para Sérgio Loroza, mas só consegui
seu endereço. Gostaria que esta mensagem fosse passada pra ele.
Sou estudante da Universidade Federal de Santa Catarina, morador e
usuário do serviço de ônibus de Florianópolis. Admiro muito o
trabalho do Sérgio como ator e cantor, mas me deixou muito indignado em ver a imagem dele numa propaganda elogiando o sistema de transporte coletivo de Florianópolis.
Acho que antes de participar de uma propaganda como essa, a pessoa
deveria verificar a real situação do serviço, sendo que os usuários
são obrigados a pegar ônibus lotado todos os dias, na maioria das
vezes carros velhos, como o caso dos ônibus da empresa Transol, que
sempre estão quebrando no percurso, e pagando 2,70 por esse serviço.
Pessoas que moram em bairros mais afastados, na maioria das vezes
pescadores, não podem sair de seus bairros por não poderem gastar 5,40
para ir e voltar do centro. Isso é um absurdo.
O ator Sergio Loroza parece ser uma pessoa muito digna e correta, por
isso escrevo este email demonstrando minha indignação
Bom essa é a minha opinião, gostaria muito de receber uma resposta

Att

Leon Bizzocchi

maio 24, 2009 at 2:09 am 4 comentários

Dupla Dinâmica

Nosso Casal 20 da noite continua arrasando. A agência onde Rodrigo Vieira trabalha (que aliás é de dois alunos nossos, Diogo Pedro e Edu Silva) emplacou uma campanha comentada no AcontecendoAqui.
A Bruna Pasternak, mesmo “eleita” coordenadora no turno da noite, continua atualizando o blog com as atrações dos Estudos Complementares. Filme, aliás, que nessa segunda de manhã, mesmo véspera de feriado e com poucos alunos na sala, rendeu um ótimo debate. Um dos melhores do semestre.

abril 23, 2009 at 7:24 pm 4 comentários

Posts antigos


Twitter

Categorias